• Dra. Mariana Cavazzoni Lima de Carvalho

Dia Mundial da Saúde


Hoje dia 7 de Abril é comemorado o Dia Mundial da Saúde, e tem como objetivo a conscientização da população sobre os diversos aspectos que colaboram com a saúde e a qualidade de vida das pessoas. Segundo a Organização Mundial da Saúde, o termo "saúde" designa o estado em que uma pessoa fica em completo bem-estar, seja ele físico, mental, ou social, e não apenas a ausência de alguma doença.

Os 7 Pilares para uma Vida Saudável.

1) Nutrição adequada: Desde o nascimento, o homem necessita de alimentos para sua sobrevivência. A qualidade dos alimentos que consumimos é um fator importante, assim como a maneira de comer. O ideal é alimentar-se de 3 em 3 horas. O acesso a quantidades suficientes de alimentos seguros e nutritivos é fundamental para a manutenção da vida e promoção da saúde. O consumo inadequado de determinados tipos de alimentos ou ingredientes, como excesso de sal, açúcar e gorduras, pode levar a ocorrência de algumas doenças crônicas, como o diabetes e a hipertensão arterial. Por outro lado, o consumo adequado de outros alimentos como as fibras ajudam a limpar e desintoxicar nosso organismo. Uma avaliação com nutricionista otimiza a alimentação para as necessidades e gostos individuais.

2) Sono reparador: O sono deve ser reparador, devemos dormir bem e quando acordamos devemos estar descansados e dispostos para o novo dia. O sono não deve ser interrompido, encurtado ou com sonhos muito agitados, não podemos dormir muito ou acordar e ficar com sono o dia inteiro. Sono é remédio, pouco não ajuda e demais pode até atrapalhar. O tempo ideal pode variar de pessoa para pessoa 8 – 10 horas por noite. Para um sono mais tranquilo, evite: refeições pesadas à noite, cafeína depois das 17 horas, levar problemas para a cama, fazer exercícios físicos extenuantes no período noturno. O ideal é dormir de lado, com travesseiros de apoio, em um ambiente escuro e silencioso.

3) Atividade Física regular: Segundo a revista The Lancet, o sedentarismo já é considerado tão letal quanto o tabagismo. O aumento das atividades físicas é fundamental para promover condicionamento, aumentar a longevidade e diminuir o estresse. A ideia é se movimentar o máximo possível. Para isso, é preciso deixar um pouco de lado o elevador e a escada rolante, estacionar o carro um pouco mais distante do seu objetivo. O exercício físico regular (caminhadas, academia, natação, dança, pedalar, etc.) melhora a circulação do sangue e a respiração, fortalece músculos e ossos, emagrece, aperfeiçoa níveis hormonais e funcionamento do sistema imunológico. Só não se esqueça de que é mais seguro buscar avaliação médica antes de iniciar uma atividade física e o ideal é ser acompanhado por um profissional como o educador físico

4) Redução do estresse: O estresse é um dos maiores causadores ou agravantes de doenças nos tempos atuais e afeta corpo e mente. Sobretudo por alterar seu equilíbrio de hormônios e neurotransmissores alterando seu metabolismo. Faça algo que você ama. Brinque com seus filhos ou animal de estimação saia para correr ou admirar um por do sol. O fato de fazer coisas das quais gosta irá manter o bom humor e tornar o dia mais feliz. Tenha hobbies e cultive-os. Passe alguns minutos no escuro e em silêncio. Sempre que puder respire fundo várias vezes por dia, pelo menos 3 ciclos de inspirações e expirações profundas. Pela correria do dia a dia ou pura falta de atenção, respiramos cada vez mais superficialmente e isso prejudica o fornecimento de oxigênio para o organismo, contribuindo para o aumento do estresse.

5) Evitar excessos: Mantenha-se longe, evite substâncias e comportamentos que sobrecarreguem seu organismo como tabagismo, álcool e drogas. Procure informação e ajuda para parar de fumar ou de consumir álcool e drogas. Segundo a Organização Mundial de Saúde, o cigarro é o único produto legalmente comercializado que mata 50% dos seus consumidores. Em média um tabagista perde 20 anos de vida. É fator de risco para mais de 50 doenças. Já o álcool, além de trazer problemas comportamentais, é bastante nocivo ao fígado e ao pâncreas, que são fundamentais para o nosso metabolismo. O fígado humano é capaz de metabolizar uma determinada quantidade de álcool por hora, com este conhecimento, já se sabe que o homem adulto, consegue metabolizar até três doses de álcool num dia; e a mulher adulta, cerca de duas doses. Portanto, a dependência do álcool, ou o alcoolismo é uma doença adquirida pela repetição de um hábito. Outras drogas como maconha, cocaína, crack e ecstasy, podem afetar o funcionamento do coração, fígado, pulmões e até mesmo o cérebro, sendo muito prejudicial à saúde. Além, disso o consumo de uma dose excessiva pode levar à morte devido à overdose que pode causar parada cardíaca e respiratória

6) Beber mais água: Nosso corpo é basicamente feito de água. Na falta dela, todas as funções ficam prejudicadas e funcionando pior. Água deve ser ingerida várias vezes por dia, no total de 3 litros/dia (para um adulto). O ideal é consumir no mínimo de 2 em 2 horas. A ingestão contínua de líquidos mantém o metabolismo em constante movimento, assim como a atividade das células corporais e o funcionamento do intestino. Não espere a sede. Se ela chegar, é sinal de que o corpo já está desidratado

7) Visitar regularmente bons profissionais de saúde: Seja acompanhado regularmente por médico, dentista, nutricionista e demais profissionais necessários para a promoção da sua qualidade de vida, e siga suas orientações. Tenha o cuidado de escolher profissionais realmente humanos, interessados na sua história, atualizados e disponíveis a interlocução do teu caso com os demais profissionais que te atendem

https://www.integratasaude.com.br/fique-atento

Dra. Mariana Cavazzoni Lima de Carvalho Medicina Física e Reabilitação CRM/SP:141077

#saude #prevenção

C O N T A T O

(11) 2384-2313  | (11) 99320-0163

Av. Ordem e Progresso 157 cj. 303-305

Barra Funda - São Paulo / SP

CEP 01141-030

L O C A L I Z A Ç Ã O

  • Instagram - White Circle
  • Facebook - Círculo Branco
  • LinkedIn - Círculo Branco

Atendimento particular

Produzido com ♥ por Fever Marketing Médico

Este site está de acordo com as regras de publicidade médica do Conselho Federal de Medicina - Resolução CFM 1974/11.